A Grande Comissão de Jesus e o Plantio de Igrejas

A Grande Comissão e a Plantação de Igrejas
Por Brister Tim (FONTE)

Quando você ouve as pessoas falarem sobre a Grande Comissão (Mt. 28:18-20), o que vem à sua mente? Para o cristão e a igreja, este deve ser o resumo do nosso ministério e missão: fazer discípulos “fazedores” de discípulos que vão para plantar igrejas plantadoras de igrejas. Devemos, então, avaliar a nossa participação na missão de Deus para a Igreja nestas duas áreas críticas. Como estamos na área de fazer discípulos? E de plantar igrejas?

Em seu clássico apologético: “Por que plantar igrejas?” Tim Keller argumenta: “Praticamente todos os grandes desafios da evangelização do Novo Testamento são, basicamente, o chamado para plantar igrejas, não apenas para compartilhar a fé.” [1] Ed Stetzer faz a mesma afirmação em seu novo livro, “Viral Churches” (Igrejas Virais):

“A Grande Comissão é dado à igreja. Ao batizar os novos crentes “em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo” (vers. 19), estamos incorporando-os ao grupo de pessoas que se identificam pelo nome do Pai, Filho e Espírito Santo Espírito, em outras palavras, a igreja. A história ea prática da Igreja Primitiva, registrada em Atos, confirma isso: a igreja primitiva implementando o Grande mandato da Comissão principalmente pelo plantio de igrejas. Se a melhor indicação de que Jesus quis dizer pode ser encontrada na forma como seus ouvintes reagiram, com competência e guiados pelo Espírito Santo, então a igreja primitiva cumpriu a Grande Comissão através do plantio de novas igrejas. Como eles se multiplicaram? Discípulos formaram novas congregações, que também reproduziram-se através de outras novas igrejas. “[2]

Steve Timmis e Tim Chester, no seu trabalho popular “Total Church”, acrescentar: “Para Paulo, missão significava plantio de igrejas. No Novo Testamento, onde foi pregado o evangelho, as igrejas locais foram estabelecidas. “[3]

Então, o que tiramos deste comentário sobre a igreja primitiva e da Grande Comissão? Bem, pelo menos podemos dizer que eles não viram a Grande Comissão como um programa de 10 passos ou departamentos dentro da igreja. Em vez disso, eles viram a Grande Comissão como abrangente e foram definidas por ele. Como Timmis e Chester explica: “O padrão do Novo Testamento da vida da igreja implicava um regular o transplante das igrejas. . .  O plantio de igrejas é parte da vida normal da igreja. “[4] Quando a Grande Comissão é autenticamente abraçada com entusiasmo, o resultado natural e normal deve ser novos discípulos que se reúnem nas igrejas recém-formadas pelos cristãos que vivem juntos em missão.

O NUMCI tem uma paixão em trazer uma renovação para a missão que nos foi confiada por Jesus Cristo. Vivemos em um dia em que menos de 10% das igrejas existentes têm algum grau de participação direta na plantação de novas igrejas, o que significa que 9 em cada 10 igrejas não estão vendo a conseqüência natural e normal da Grande Comissão. Como isso pode mudar estatística para refletir uma reorientação radical da Grande Comissão? Bem, trabalhando em conjunto para ajudar as igrejas a se desenvolverem em igrejas plantadoras de igrejas é um começo, e o NUMCI pretende facilitar o processo e disponibilizar recursos para ajudar a fazer isso acontecer. Como Stetzer explicou,

“Os primeiros crentes ouvido a Comissão, deixaram suas casas, e saíram para plantar. Quando ouvimos a Grande Comissão, também devemos estar motivados para sair e planta novas congregações. A melhor indicação de que Jesus quis dizer pode ser encontrada na forma como estes primeiros ouvintes responderam. Devemos seguir seu exemplo. “[5]

_________________________

1 Tim Keller, “Why Plant Churches?” (New York: Redeemer Presbyterian Church, 2002), 1.
2 Ed Stetzer and Warren Bird, Viral Churches: Helping Church Planters Become Movement Makers (San Francisco: Jossey-Bass, 2010), 27.  Emphasis added.
3 Steve Timmis and Tim Chester, Total Church: A Radical Reshaping Around Gospel and Community (Wheaton: Crossway, 2008), 91.
4 Ibid., 97-98.  Emphasis added.
5 Ed Stetzer, Planting Missional Churches: Planting a Church That’s Biblically Sound and Reaching People in Culture (Nashville: Broadman & Holman, 2006), 41.

Sobre Dr. Berndt Wolter

Diretor e Coordenador do Núcleo de Missões & Crescimento de Igreja.
Esta entrada foi publicada em Prática. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

2 respostas a A Grande Comissão de Jesus e o Plantio de Igrejas

  1. PR FABIO VENANCIO disse:

    É INTERESSANTE NOTARMOS QUE O PROCESSO DE PLANTIO DE IGREJAS ESTÁ INTIMAMENTE RELACIONADO COM A FILOSOFIA. UMA CONCIENTIZAÇÃO DE QUEM SOMOS E O QUE ESTAMOS FAZENDO POR AQUI COMO POVO DE DEUS, NOS LANÇA EM DIREÇÃO A VERDADEIRA GRANDE COMISSÃO DE JESUS EM MATEUS 28.

  2. EV.Cristiano disse:

    AMADOS IRMAOS PAZ E GRAÇA DA PARTE DO NOSSO SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTO.
    POIS BEM O SENHOR DEIXOU UMA ORDENANÇIA A SUA IGREJA.
    TEMOS VIVIDO REALMENTE O AVIVAMENTO QUE A IGREJA PRIMITIVA VIVEU POIS A IGREJA CRESCIA NA GRAÇA E NO CONHECIMENTO E A CADA DIA ERAM AGREGADOS OS QUE AVIAM DE SE SALVAR E HJ SERA QUE A IGREJA DO SECULO 21 ESTA PENSANDO NA IMPLANTAÇÃO DO REINO DE DEUS OU ESTAMOS VIVENDO UMA HIPOCRISIA GENERALIZADA EM MEIO AO POVO (CRISTÃO).
    SERA QUE OS MISSIONÁRIOS QUE VERDADEIRAMENTE QUEREM FAZER A OBRA E IMPLANTAR IGREJA ESTÃO TENDO O APOIO DO POVO DE DEUS DEIXA EU EXPLICAR MELHOR O QUE ACONTECE E QUE QUANDO O MISSIONÁRIO E DA MINHA DENOMINAÇÃO AI SIM TEM ATE AQUELES QUE AJUDAM QUE NÃO SÃO MUITOS MAS QUANDO DEUS LEVANTA O MISSIONÁRIO EM OUTRA PLACA VAMOS DIZER DESTA FORMA FICA IMPOSSÍVEL DE AJUDAR POIS TEM UMA BUROCRACIA TERRÍVEL EM MEIO AOS MINISTÉRIOS OU SEJA UMA HIPOCRISIA.
    IRMÃOS MISSIONÁRIO NUNCA FOI NÃO E E NUNCA VAI SER DE DENOMINAÇÃO POIS ELE O UM SERVO DO SENHOR VIVE PARA SERVIR A CRISTO NÃO A DENOMINAÇÃO.
    SEI O QUE EU ESTOU FALANDO POIS VIVO ESTA CARÊNCIA DE PESSOAS OU MINISTÉRIOS QUE VERDADEIRAMENTE QUEIRAM FAZER SE PROPAGAR O EVANGELHO DO NOSSO SENHOR JESUS CRISTO SOU EVANGELISTA IMPLANTEI UMA IGREJA NA AFRICA.
    HJ A IGREJA SE EXPANDIU TEMOS DUAS CONGREGAÇÕES JÁ FAZ TRÉS ANOS QUE DIVULGO O TRABALHO QUE E O TRABALHO VOLTADO AS ALMAS QUE NAO TEM RECURSOS PARA DA A IGREJA E ATE ENTÃO, FORAM POUQUÍSSIMAS AS PESSOAS QUE QUEREM MIM AJUDAR A VOLTAR PARA AFRICA E IMPLANTAR MAS IGREJAS SOU DE UMA DENOMINAÇÃO PEQUENA NÃO TEMOS RECURSOS E AS QUE TEM SE NEGAM A AJUDAR POIS NÃO E A PLACA DELES QUE ESTARIAM LÁ AI VEM A PERGUNTA ESTAMOS QUERENDO PREGAR A JESUS OU A PLACA DENOMINACIONAL VIVEMOS UMA FALSA COMISSÃO NO MEIO DO POVO DE (DEUS) QUE JESUS TENHA MISERICÓRDIA DE TODOS NÓS E NÓS ENSINE O QUE E SE ENTREGAR A CAUSA DO EVANGELHO NÃO A CAUSA DA PLACA QUE DEUS VÓS ABENÇOE E OREM PELA OBRA MISSIONARIA EM ANGOLA TEMOS MUITOS KIMBOS PARA IMPLANTAR IGREJAS POVOS QUE NUNCA OUVIRAM A PREGAÇÃO DA PALAVRA

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>